A Acção Socialista Portuguesa (1964-1973)

A Acção Socialista Portuguesa foi fundada em Genebra por Mário Soares, Manuel Tito de Morais e Francisco Ramos da Costa, em Novembro de 1964. Representando um novo esforço de estruturação do movimento socialista, o certo é que não logrou estabelecer as bases de implantação a que aspirava, conciliando dificilmente os instrumentos de luta na clandestinidade com as poucas possibilidades de intervenção legal permitidas pelo regime salazarista.

A ASP iniciou a publicação do Portugal Socialista em Maio de 1967, estabelecendo também numerosos contactos com partidos e organizações internacionais, sendo formalmente admitida na Internacional Socialista em 1972.

Foi o embrião do futuro Partido Socialista.

Documentos

Acta da reunião de fundação da Acção Socialista Portuguesa, 1964

Declaração de Princípios da Acção Socialista Portuguesa, 1964

Programa da Acção Socialista Portuguesa, s/d

Comunicado conjunto de Tierno Galvan e Mário Soares, 1969

Declaração do Bureau da Internacional Socialista sobre as Eleições Portuguesas, 1969

Acta da Convenção Nacional da Acção Socialista Portuguesa, 1970

Circular da Acção Socialista Portuguesa aos Partidos Socialistas Europeus, 1971

Carta de Mário Soares solicitando a admissão da Acção Socialista Portuguesa na Internacional Socialista, s/d

Discurso de Mário Soares no XII Congresso da Internacional Socialista, 1972

Artigo de Mário Soares sobre a entrada da Acção Socialista Portuguesa na Internacional Socialista., 1972

Carta de Hans Janitschek a Mário Soares sobre a admissão da Acção Socialista Portuguesa na Internacional Socialista, 1972

Memorando da Acção Socialista Portuguesa sobre as relações com o Partido Trabalhista britânico, 1972

Mensagem de Mário Soares apelando à unidade da Oposição, 1973

Carta da Acção Socialista Portuguesa a François Mitterrand, sobre reunião dos líderes dos partidos socialistas europeus, 1972

Carta do Comité Directivo da Acção Socialista Portuguesa a Bruno Pittermann sobre reunião dos líderes dos partidos socialistas europeus, 1972

Comunicado do núcleo de Londres da Acção Socialista Portuguesa, sobre a vigília na Capela do Rato, 1973

Carta de Tito de Morais e Mário Soares solicitando apoio do Partido Social Democrata sueco, 1972

Relatório da Acção Socialista Portuguesa sobre o quadro político português herdado de 1972, 1973

Telegrama de Mário Soares e Tito de Morais, em nome da Acção Socialista Portuguesa, lamentando a morte de Amilcar Cabral, 1973

Saudação de Mário Soares ao III Congresso da Oposição Democrática, 1973, dactil. e manusc.

Saudação de Mário Soares ao III Congresso da Oposição Democrática,1973, impr.

Carta da Acção Socialista Portuguesa ao Conselho da Europa sobre o III Congresso da Oposição Democrática, 1973

Carta de Rodney Balcomb, dirigente da Internacional Socialista, sobre as relações entre Portugal e a CEE, 1973

SINEWS (publicação da Internacional Socialista), Vol. V, N.º 4,1974, contendo declaração sobre Portugal

ImprimirEmail